Olhete

olhete

Nome popular: Olhete Nome científico: Seriola fasciata.

Habitat: Regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul (do Amapá a Santa Catarina). Mais comum do Nordeste a Santa Catarina.

Saiba mais: Peixe de escamas. Espécie pelágica, conhecida como peixe de passagem. Freqüenta águas relativamente rasas e agitadas, nas proximidades dos costões rochosos e recifes. Os indivíduos jovens formam pequenos cardumes, mas os maiores são solitários, vivendo sozinhos ou em pares. Alimenta-se principalmente de lulas, crustáceos e pequenos peixes. Tem importância na pesca esportiva e comercial.

Equipamento e isca: Equipamento médio/pesado a pesado. A carretilha é mais apropriada, porque esse peixe briga muito, levando vários metros de linha, que deve ser de monofilamento de 20 a 50 libras. Os anzóis devem ser fortes, de nº 5/0 a 10/0. As melhores iscas são as naturais, principalmente sardinha. Outros peixes inteiros ou em filés também dão bons resultados. Entre as iscas artificiais, as melhores são os jigs, os plugs de meia água e, às vezes, os de superfície. Colheres e ziguezagues também são usados com sucesso.

Dicas: Não é um peixe que pode ser pescado da praia e a melhor forma de se pescá-lo é embarcado. Como é um peixe de passagem, o pescador deve esperar por ele.

Compartilhe!

Speak Your Mind

*


*